Taiwan inicia manobras com munição real e simula defesa contra ataque chinês

0
58
Taiwan iniciou, nesta terça-feira (8), exercícios de defesa da ilha com artilharia real, após as grandes manobras militares realizadas pela China ao redor de seu território nos últimos dias, informa a agência internacional de notícias France Presse (AFP).
Lou Woei-jye, porta-voz do Oitavo Corpo do Exército de Taiwan, confirmou à AFP que os exercícios começaram no condado meridional de Pingtung, com o disparo de sinalizadores e artilharia.
A China realizou seus maiores exercícios militares ao redor de Taiwan na semana passada, em resposta à visita da presidente da Câmara dos Representantes dos Estados Unidos, Nancy Pelosi, à ilha.
Taiwan vive sob a constante ameaça de invasão pela China, que considera este território como sua própria província a ser reincorporada um dia, pela força se necessário.
Os exercícios taiwaneses que ocorrerão na terça e quinta-feira (11) incluirão o deslocamento de centenas de soldados e cerca de 40 obuses (peça de artilharia destinada a lançar projéteis com trajetórias muito curvas), disse o Exército.
Lou disse nesta segunda-feira que os exercícios já estavam programados e não eram uma resposta aos movimentos da China.
A ilha, que tem um governo democrático, realiza rotineiramente exercícios que simulam uma invasão chinesa e, no mês passado, praticou como repelir ataques por mar durante seus maiores exercícios anuais.

Fonte: G1 Mundo