Polícia prende irmãos suspeitos de matarem jovem após show de aniversário do Tocantins

0
140

Dois irmãos, suspeitos de participarem do assassinato de um jovem em outubro do ano passado na Praça dos Girassóis, foram presos na manhã desta quarta-feira (5), na casa dos pais, na região norte de Palmas. De acordo com a 1ª Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa um terceiro suspeito de envolvimento no crime continua foragido. Os nomes e idades dos presos não foram divulgados.

A vítima era Israel Rodrigues Moura Filho, de 24 anos. Ele foi baleado no estacionamento da Assembleia Legislativa após sair do show organizado pelo governo para a comemoração do aniversário de 31 anos do Tocantins, no dia 6 de outubro de 2019. O jovem chegou a ser socorrido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), mas morreu no local, na frente da namorada.

De acordo com a delegada Luciana Coelho Midlej, os dois irmãos tinham fugido da cidade após o crime. “Realizamos a representação pelo homicídio dos três e passamos a monitorá-los. Nesta manhã soubemos que os dois irmãos tinham retornado a Palmas e encontrava-se na residência dos pais”, afirmou.

Segundo a PM, no dia do crime, a namorada relatou que estava com Israel no show, momento em que eles foram para o estacionamento pegar a motocicleta e perceberam que duas pessoas estavam próximas do veículo.

Ainda conforme o relato, houve um desentendimento entre Israel e essas duas pessoas. Durante a briga, uma terceira pessoa chegou ao local armada e efetuou dois disparos contra o jovem.

Após os procedimentos legais, os dois homens presos serão levados para a Casa de Prisão Provisória de Palmas. De acordo com a delegada Luciana Coelho, a diligência para localizar o autor dos disparos permanece. A suspeita da Polícia Civil é que os três homens envolvidos no crime são integrantes de uma facção criminosa.

Fonte: G1 TOCANTINS.