PF investiga dono de construtora suspeito de enganar banco para conseguir financiamento de programa federal

0
46

Segundo as investigações, suspeito usava documentos falsos para obter crédito do programa Minha Casa Minha Vida, em nome de terceiros. Mesmo com o dinheiro na mão, ele não construía as residências. PF faz operação contra suspeito falsificar documentos para praticar fraudes no Tocantins
Divulgação/Polícia Federal
O dono de uma construtora no Tocantins está sendo investigado pela Polícia Federal suspeito de aplicar golpes contra a Caixa Econômica Federal para conseguir financiamento do programa Minha Casa Minha Vida. Nesta quinta-feira (11), policiais fazem uma operação para cumprir mandados de busca e apreensão e outras medidas na cidade de Gurupi.
A operação recebeu o nome de ‘Escravos da Morada’ e tem o objetivo de apurar os crimes de falsidade ideológica e estelionato. Cerca de oito policiais federais cumprem dois mandados de busca e apreensão no município.
Segundo as investigações, o suspeito se utilizava da construtora para obter crédito imobiliário de forma fraudulenta. A PF disse que ele falsificava a documentação, conseguia o financiamento em nome de terceiros e não construía as residências contratadas.
A operação desta quinta pode ajudar na descoberta de outros crimes e, consequentemente, alertar outras vítimas. Se condenado, o empresário poderá responder pelos crimes de falsidade ideológica e estelionato majorado, cujas penas somadas, podem ultrapassar 10 anos de prisão.
Veja mais notícias da região no g1 Tocantins.

Fonte: G1 Tocantins