Josyara enfatiza o baticum afro-baiano no terceiro álbum solo, ‘ÀdeusdarÁ’

0
64

Produtora musical do disco, programado para 19 de agosto, artista apresenta dez composições autorais em repertório inteiramente inédito, gravado com farta percussão arranjada por Ícaro Sá. Josyara lança disco com repertório autoral composto por dez músicas criadas entre o violão e os sintetizadores
Maria Mango / Divulgação
♪ O terceiro álbum solo de Josyara se chama ÀdeusdarÁ – título também grafado estilisticamente como ÀDÁ na capa do disco que chegará ao mundo digital em 19 de agosto, em edição da gravadora Deck. A capa expõe a artista em foto de Maria Mango.
Sucessor dos álbuns Mansa fúria (2018) e Uni versos (2012) na discografia solo da cantora, compositora e violonista, ÀdeusdarÁ é álbum arquitetado desde 2020, em plena pandemia, mas efetivamente gravado entre novembro de 2021 e maio deste ano de 2022 com produção musical e arranjos orquestrados pela própria Josyara, baiana nascida em Juazeiro (BA).
Embora saudada no antecessor Mansa fúria pelo toque personalíssimo do violão, Josyara optou por enfatizar em ÀdeusdarÁ a percussão de acento afro-baiano. Ao gravar o disco, cujo repertório inédito é composto por dez músicas autorais, Josyara arregimentou Ícaro Sá – percussionista ligado à banda BaianaSystem – para tocar e orquestrar o baticum.
Ao longo das dez faixas do álbum ÀdeusdarÁ, a percussão é tocada por Alana Gabriela, Jadson Xabla, Gabriel Santana, Larissa Braga, Lorena Caroline e Yasmin Reis, além do próprio Ícaro Sá. Baixista da BaianaSystem, Seko Bass toca o baixo e assina a produção musical das faixas Bilhetinho, Essa cobiça e Melancia.
Faixa que anunciou o disco em single lançado em 22 de julho, ladoAlado junta Josyara com a conterrânea Margareth Menezes.
Criado entre violões e sintetizadores, o repertório autoral do álbum ÀdeusdarÀ inclui as músicas Berro, Canto à liberdade, Clarão, Mama e Ouro & lama, além da composição que batiza o disco ÀdeusdarÁ.
Gravado entre Salvador (BA), São Paulo (SP) e Rio de Janeiro (RJ), tendo sido mixado por Otavio Carvalho e masterizado por Carlos Freitas nos Estados Unidos, o álbum ÀdeusdarÁ tem direção artística creditada a Josyara e a Rafael Ramos.
Capa do álbum ‘ÀdeusdarÁ’, de Josyara
Maria Mango com arte de Pedro Hansen

Fonte: G1 Entretenimento