Estudantes precisam atravessar rodovia e andar no escuro após linha de ônibus ser retirada

0
76

Muitos jovens têm pensado em desistir da graduação por causa da dificuldade. Campus da faculdade fica próximo da TO-050, em Palmas. Alunos percorrem um quilômetro para pegar ônibus que não passa mais na frente da faculdade
Alunos de uma faculdade em Palmas estão enfrentando dificuldades para chegar até a sala de aula depois que uma linha de ônibus foi retirada durante a pandemia e não retornou. A instituição que eles frequentam fica próximo da TO-050, em Palmas. O jeito encontrado pelos estudantes é atravessar duas rodovias e andar um quilômetro no escuro para estudar.
A Bruna Santos mora em Taquaralto e cursa zootecnia. Pela falta do ônibus ela pensa em trancar a matrícula. “Com a volta das aulas presenciais ele não voltou [o ônibus], deveria ter voltado, mas não aconteceu”, lamentou.
A antiga rota parava na porta da universidade, mas agora os estudantes precisam pegar a linha TO-050 e descer em um ponto às margens da rodovia. Só que o lugar é tão escuro, que para atravessar é preciso usar a lanterna do celular.
Jovem atravessando canteiro de rodovia no escuro
Reprodução/TV Anhanguera
Não bastasse os riscos por causa da escuridão e da própria travessia inadequada ainda tem a distância que eles precisam percorrer até a faculdade. “É uma rodovia e você ter que ficar atravessando a noite. É perigoso para a gente, principalmente para as mulheres”, reclamou a jovem Rayssa Silva, que é estudante de agronomia.
A universidade informou que as reclamações em relação à falta de ônibus são decorrentes e por causa disso enviou um ofício ao município pedindo o retorno das linhas. Só que a solicitação ainda não foi atendida.
A Prefeitura de Palmas foi questionada sobre assunto pela TV Anhanguera, mas não se posicionou.
Veja mais notícias da região no G1 Tocantins.

Fonte: G1 Tocantins