Batalhão de Choque da PM arrecada sete toneladas de alimentos e doa 350 cestas básicas a famílias carentes em Palmas

0
108

A ação social foi realizada em comemoração ao 4º aniversário da unidade (25 de agosto) com o objetivo de ajudar famílias carentes em Palmas.

No dia 25 de agosto, o Batalhão de Polícia de Choque (BPCHOQUE) completou quatro anos de existência, e em virtude de ser um ano atípico por conta da pandemia de Covid-19, o que ocasionou dificuldades financeiras a várias famílias carentes, o Batalhão lançou a ação social “Aniversário Solidário BPCHOQUE”, cujo objetivo era arrecadar alimentos para serem doados a instituições que realizam ações sociais bem como para famílias e comunidades carentes em Palmas.

A ação social foi lançada no início do mês de agosto tendo sido idealizada pelo comandante do BPCHOQUE, tenente-coronel Weslley Dias Costa, e contou com o empenho de todos os policiais militares da Unidade, no sentido de doarem e arrecadarem alimentos através de familiares, amigos, empresários e parceiros do BPCHOQUE.

Foram arrecadadas aproximadamente sete toneladas de alimentos, dentre eles arroz, feijão, café, açúcar, óleo de cozinha, extrato de tomate, bolacha, leite, macarrão, alimentos básicos de consumo, os quais foram embalados, totalizando 350 cestas básicas.

As cestas básicas foram distribuídas entre várias instituições e comunidades, cada uma tendo recebido 30 (trinta) cestas, dentre elas: Pastoral Social da Igreja Nossa Senhora de Fátima (Qda 308 Sul); Instituto Quem Diria (Taquarussú Grande); Pastoral Social da Igreja Dom Orione (Qda 904 Sul); Setor Fumaça; Condomínio Residencial Lago Norte 2 (Qda 604 N); e Escolinha de Futebol do 1º BPM.

Doação aos alunos da Escolinha de Futebol do 1º Batalhão da PM. Foto: Divulgação Ascom PM

Os alimentos doados ao Instituto “Quem Diria” (Taquarussú Grande), que é uma casa universitária fundada pelo Padre Aderson e que possui vários projetos sociais que visam diminuir a fome de várias pessoas necessitadas, segundo ele, serão doados a Brigadistas Voluntários e famílias carentes do bairro Jardim Aureny III e famílias da região “Ponta da Serra”. A Escolinha de Futebol do 1º BPM também recebeu 30 (trinta) cestas básicas as quais serão destinadas às famílias dos alunos mais carentes.

O comandante do BPCHOQUE ressaltou a grande importância desta ação social, vez que irá diminuir a fome de várias famílias carentes em Palmas e região, as quais estão passando necessidades neste período de pandemia. Reforçou ainda que a Polícia Militar além de cumprir sua função de polícia ostensiva e de preservação da ordem pública, tem desenvolvido várias ações sociais como esta, as quais estreitam os laços entre comunidade e Polícia Militar.

 

Por: Luana Barros/Governo do Tocantins (revisão)